Chateau DÍf em Marseille Marselha Visita

Dicas para visitar o Château D’if, em Marselha

Marselha tem muitas atrações turísticas lindas, e um dos passeios obrigatórios é visitar o Château D’If (Castelo de If, em Português). A estrutura linda numa ilha no Mar Mediterrâneo foi a primeira fortaleza real e tinha como papel proteger um dos principais pontos de comércio da França de invasões e saques. E, claro, vigiar para que Marselha não se rebelasse contra o reino.

 

Chateau DÍf dicas
O desembarque em If no meio do Mediterrâneo

 

Além de ser um lugar lindo, vários mitos cercam o castelo que fica no meio daquele mar maravilhoso num azul e verde que meus olhos nunca viram igual. Uma das histórias que eu mais gostei foi que em 1513 um rinoceronte (animal que a Europa não conhecia) foi oferecido pelo Rei de Portugal para o Papa Leão X e fez uma escala da ilha. E, em 1844, Alexandre Dumas escreveu o livro O Conde de Monte Cristo, e a prisão do herói Edmond Dantès é justamente o Castelo de If.

 

Castelo de If - Chateau DÍf

O local foi aberto ao público em 1880, e chegando lá você pode pegar um mapa em Português para conhecer tudo. A duração total da visita vai depender do teu ritmo, mas demora uns 45 minutos a 1h30 para percorrer o castelo e dar uma volta pela ilha. O legal é subir até as torres, passando por cada cela e olhando quem ficou preso lá. No segundo andar, numa dessas celas, passa um filme contando a história do castelo. Para quem fala francês, há também uma visita comentada. O castelo é todo adaptado para deficientes visuais.

Durante a visita, repare também que cada cela é diferente e, no pátio, há um memorial com os nomes dos prisioneiros, incluindo um irmão do rei Luis XV. Há alguns opositores de Napoleão, rebeldes, insurgentes de Marselha etc. Os últimos prisioneiros de If foram alemães durante a Primeira Guerra Mundial. Para quem é fã do Conde Monte Cristo, a cela atribuída a Dantes fica no primeiro andar, onde, na verdade, era um paiol.

cela Edmond Dantès
A cela atribuída a Edmond Dantès no livro O Conde de Monte Cristo

Como chegar ao Castelo de If?

Chegar lá é bem fácil. Os barcos da Frioul If Express (confira o site deles aqui) saem do Vieux Port de Marseille, e o passeio pode ser combinado com a visita ao Arquipélago Frioul onde há calanques para serem visitados. Você pega o barco, desce no castelo, faz a visita e pega um novo barco para seguir até Frioul para conhecer os calanques (leve roupa de banho).

 

Mapa Chateau D'If Marselhha

 

A minha dica é, antes de planejar o passeio, olhar no site se as condições meteorológicas permitem a visita. Quando o vento está muito forte o barco não para no castelo. Ou seja, vale dar uma passada no guichê para olhar os horários do dia. Os atendentes falam francês e inglês, e a saída do barco é na Gare Maritime, o terminal marítimo.

 

Chateau D'If entrada
A entrada para o Château D’If custa 6 euros

O que saber antes de visitar o Château D’If:

– O acesso é feito de barco, e a Frioul IF Express leva todos os dias com saídas da Gare Maritime no Vieux Port de Marseille.

– Nos meses de verão (julho e agosto) os passeios começam às 7h30 e, nos outros meses, a partir das 8h30.

– Quando comprar o bilhete você precisará do Aller/ Retour (ida e volta). Para If e Frioul custa 16,20 euros. Já a entrada no castelo custa 6 euros para adultos.

– O trajeto do porto até If demora 20 minutos. De If até Frioul 10 minutos e a volta do porto de Frioul até o Vieux Porto 30 minutos.

– Há um restaurante no castelo, mas o melhor é mesmo levar um lanchinho e água para passar o dia.

 

Dicas de Marsellha

 




Booking.com

Um comentário sobre “Dicas para visitar o Château D’if, em Marselha

Deixe uma resposta