Puerto Iguazú, dicas de viagem

O que fazer na cidade de Puerto Iguazú, na Argentina

Puerto Iguazú é a cidade Argentina que fica bem na fronteira com o Brasil,  do ladinho de Foz do Iguaçu. Visita-lá é bem fácil e se você vai a Foz, é passeio praticamente obrigatório. A cidade é bem pequena e fácil de andar, mas não espere encontrar uma cidade como Buenos Aires ou Bariloche. É bem mais calma e sem lojas badaladas. 

Por falar em lojas, no município há a famosa siesta . Ou seja, a partir de 12h todo o comércio fica fechado e só abre de volta no fim da tarde, por volta das 16h. Sendo assim, vá cedo para cidade se quiser ver as lojinhas. E nem se preocupe em levar pesos argentinos porque em todo lugar os preços estão em reais também. Há lojas com artigos de couro, mas achei os preços bem salgados.

Alfajor argentina, puerto iguazú

Um dos lugares favoritos dos turistas é a Feirinha de Puerto Iguazú, localizada na Av. Brasil, no centro da cidade. Por lá há barraquinhas onde é possível comprar vinhos, uvas, queijos, doce de leite, azeitona e (muito) alfajor. Os preços são convidativos e vale, claro, pechinchar. Comprei uma caixa de alfajores por R$ 20, mas há alguns mais baratinhos que custam R$ 1 real cada. Bom para lembrancinhas. No meio da feira há restaurantes simples onde é possível comer empanadas e beber Quilmes.

Leia também: Foz do Iguaçu: dicas do que fazer e onde se hospedar

diana-viaja-puerto-iguazu-03.jpg

Como ir de Foz do Iguaçu para Puerto Iguazú?

Para chegar na Argentina de ônibus é muito simples. Os ônibus da empresa Crucero del Norte saem da Rua Mem de Sá, que fica do lado de fora do terminal urbano. O ponto do ônibus é identificado com uma bandeirinha da Argentina (olha aí na foto). Então, não tem erro. A passagem custa R$ 4 ou 20 pesos, o ônibus tem ar condicionado (pode ser frescão ou comum).

diana-viaja-foz-do-iguacu-puerto-iguazu.jpg

O ônibus leva até o terminal de Puerto Iguazú onde você pode ficar se quiser circular por lá ou pegar um ônibus para ir até o Parque Nacional Iguazú e ver as cataratas do lado dos hermanos. Outra opção é ir de táxi e os motoristas cobram entre R$ 50 e R$ 60. Como os ônibus funcionam até 19h30, se você quiser visitar a cidade mais tarde precisará de um táxi. Os hotéis oferecem transfer que custa cerca de R$ 60. O melhor é mesmo negociar com algum taxista. Fechei ida e volta por R$ 100.

Alfândega de Foz do Iguaçu para Puerto Iguazú

diana-viaja-fronteira-brasil-argentina.jpg

Ao visitar a Argentina, é fundamental levar um documento de identidade porque todo mundo precisa sair do ônibus para passar pela imigração. Se você for de carro o motorista precisará preencher um documento com os seus dados e entregar no posto de imigração. Eles são bem rigorosos e menores só entram com os pais e/ou autorização. Apesar de pequena, a cidade tem opções interessantes de lazer.

Duty Free Puerto Iguazú

Bem na fronteira entre o Brasil e a Argentina fica o Duty Free de Puerto Iguazú. Os preços são convidativos, especialmente para quem não pretende fazer uma viagem ao exterior e quer aproveitar para comprar num free shop. É um shopping lindo e enorme com muitas opções de roupas, bolsas, bebidas, chocolates, perfumes e eletrônicos. Tentei tirar fotos para mostrar como é legal e bonito, mas fui devidamente advertida pelo segurança. Mas por fora dá para perceber que é como um shopping.

diana-viaja-duty-free-puerto-iguazu.jpg

De qualquer forma, anotei alguns preços* para vocês terem uma ideia: batom M.A.C – 15 dólares; garrafa de vodka Absolut – 12 dólares; garrafa de Amarula – 11 dólares; máscara de cabelo Kérastase – 59 dólares e caixa de chocolate Lindit – 2 por 18 dólares. Ou seja, algumas coisas têm preço como nos Estados Unidos, mas é importante pesquisar. E se você for ao Paraguay, por exemplo, vai achar coisas mais baratas lá. Comprei batons da M.A.C porque o preço estava muito bom.

Casino de Puerto Iguazú 

Eu confesso que gosto de um casino (Viva Las Vegas), mas resolvi ficar longe do de Puerto Iguazú para não gastar dinheiro. De qualquer forma, acho que é um passeio bem bacana para quem tem curiosidade de saber como é um casino ou quem deseja jogar um pouquinho.

Parque Nacional Iguazú

Visitar as cataratas do lado argentino também é um passeio bastante interessante. Para chegar ao parque é possível pegar um ônibus do terminal rodoviário da cidade no valor de R$ 40. A entrada no parque é o único serviço que precisa se pago com pesos argentinos. Custa 250 para moradores de países do Mercosul. Leve comidinhas e água porque o parque tem preços estratosféricos e poucas opções de comida.

 

Restaurantes na cidade 

O que eu mais queria fazer em Puerto Iguazú era mesmo visitar os restaurantes (#vaigordinha). Por isso, separei um dia para ir à noite e fiz feirinha + jantar. Saí do hotel para ir ao Aqva, e o taxista me recomendou o El quincho del tio querido, mas acabei indo no A Piacere (Av Córdoba 125) que achei mais animado (fica do lado do Aqva). O atendimento foi sensacional, o ambiente muito lindo e tinha uma música ao 4vivo agradável. A conta custou uns R$ 120 com cerveja e prato principal. Estava, claro, como toda a carne argentina muito deliciosa.

diana-viaja-dicas-puerto-iguazu-argentina.jpg

diana-viaja-puerto-iguazu-01.jpg

diana-viaja-quilmes-argentina.jpg

 

*Preços referentes ao mês de setembro de 2016. 

 

Anúncios

12 comentários sobre “O que fazer na cidade de Puerto Iguazú, na Argentina

  1. Acredita que ainda não conheço Foz do Iguaçu? Tenho que criar vergonha na cara e explorar as belezas do nosso lindo Brasil. As Cataratas do Iguaçu é uma das maravilhas do nosso país ❤

    Adorei as dicas citadas no post. Quando for a Foz, com certeza irei incluir Puerto Iguazu na Argentina no meu roteiro.

    Abraços

    Curtir

  2. Oi! Realmente é um passeio obrigatório para quem vai a Foz. Na minha primeira ida passei boa parte do dia andando pelo cidade, conhecendo cada lojinha. Voltei cedo por causa dos horários de ônibus. Na segunda ida, pertinho da aduana caiu um temporal, faltou luz por uma hora, mesmo assim consegui ior jantar lá. E valeu a pena de novo!

    Curtir

  3. Gostei do teu post! Me deu saudades!
    Fui para Puerto apenas para o duty free e para as cataratas. Não conheci a cidade.
    Faz tempo isso! Pegamos um taxi argentino (que estava no Brasil) e o taxista inclusive quis ser “gentil” e nos pagou os ingressos para o parque (ele estava doidinho pela nossa moeda).
    😉

    Curtir

  4. Adorava ir a Puerto Iguazu.. Meus tios moram em Foz do Iguaçu e quando eu era criança, íamos para lá muitas vezes ao ano. Eu amava ir nas lojinhas e descobrir novas canetas coloridas, tênis, quinquilharias que toda criança ama. Na minha próxima ida ao Brasil devo retornar, e as suas dicas serão ótimas pedidas. Beijos =)

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s